Seção

Revista ATLASPSICO n.16

Editorial

A tatuagem é tão antiga quando a civilização. A palavra tattoo é derivada de tatau, que era o som produzido por um martelinho batendo nos finos ossos em formato de agulha para marcar a pele com tinta.

Alguns dados arqueológicos citam que a tatuagem já existia há mais de 2.500 à 5.000 anos a.C, encontrados em múmias no Egito e também uma prática frequente por nativos da Polinésia.

A tatuagem era bastante utilizada por guerreiros nos rito de passagem, eventos religiosos e simbolizava status, coragem, poder.

Tatuar o corpo significa obter uma identidade única, ímpar, personalizada. Nesta edição, o psicólogo Sérgio Gomes da Silva descreve um pouco mais das modificações corporais e a produção de bioidentidade na cultura contemporânea.

Obrigado a todos pelo carinho!
Boa leitura!
Márcio Roberto Regis | CRP 08/10156

Salvar

Top